A Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado de Pernambuco (FETAPE) registra seu repúdio à prisão do dirigente do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) de Pernambuco, Jaime Amorim, na manhã deste sábado (27), na cidade de Caruaru.

Jaime Amorim foi detido, durante cerca de duas horas, depois de ter sido abordado por um homem, que se identificou como policial militar a paisana, enquanto distribuía exemplares do Jornal Brasil de Fato, durante um ato de panfletagem.

A FETAPE presta solidariedade ao companheiro Jaime Amorim e ao MST, destacando que esse caso reforça a necessidade de que o Estado de Direito seja assegurado no Brasil, assim como a liberdade de expressão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *