O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) disse na segunda-feira (29) que pretendia convidar o juiz Sergio Moro para o Supremo Tribunal Federal (STF), mais tarde, quando abrisse uma vaga, ou para o Ministério da Justiça, imediatamente. “Moro deu grande contribuição para o país”, disse Bolsonaro.

O magistrado, que é juiz de primeira instância, declarou nesta terça-feira (30) que, se o convite se oficializar, vai refletir sobre o assunto. “Será objeto de ponderada discussão e reflexão”, disse Moro em nota.

“Sobre a menção pública pelo Sr. Presidente eleito ao meu nome para compor o Supremo Tribunal Federal quando houver vaga ou para ser indicado para Ministro da Justiça em sua gestão, apenas tenho a dizer publicamente que fico honrado com a lembrança. Caso efetivado oportunamente o convite, será objeto de ponderada discussão e reflexão”, diz o juiz, em nota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *